segunda-feira, janeiro 23, 2012

Ainda sobre o caso da jovem agredida pelos "colegas"

Então mas o juiz justificou a leve pena aplicada aos jovens que agrediram a colega e publicaram o vídeo no facebook com o facto de virem de famílias desfavorecidas???? E um dos jovens diz em directo que o que quer no fim de tudo é fazer uma festa e sair disto bem enquanto se ouve alguém atrás dizer "ela quer é dinheiro", ela que foi agredida da forma brutal que toda a gente viu??? Eu continuo a dizer, fosse ela minha filha e eu dizia-lhes a festa!!! A eles e aos paizinhos que ainda aplaudem!!!! Vergonhoso!

9 comentários:

  1. É tão revoltante. Se a vitima fosse um filho meu não sei se não perderia a cabeça!

    ResponderEliminar
  2. fiz um pequeno post sobre isso, lol!
    estou parva!nem sequer uma "correção"...

    ResponderEliminar
  3. Para mim era pena de prisão efectiva para todos... e para alguns dos papás também... pois se os filhos são assim a culpa tem de vir de algum lado, e normalmente e educação dá-se (ou não) em casa.

    ResponderEliminar
  4. Essa história deixa-me preocupada. Não sei se viste há uns meses atrás, quando isso tudo aconteceu, a avó de uma das agressoras não se mostrou muito triste, nem a vi muito revoltada com a ida da neta para um reformatório. Pudera não devia ter mão nela...

    ResponderEliminar
  5. Sabes o que se passa? É que esse juiz não deve ter filhos e, se os tem, não foram os filhos deles, senão o caso com certeza que mudava de figura. De facto há coisas surpreendentes! :S

    ResponderEliminar
  6. É verdade! Eu só penso que se fosse minha filha, a minha pena era bem maior mas punha-os a comer por uma palhinha uns meses... sinceramente. Há coisas que não tolero mesmo, e nesse caso a justiça não foi correta.

    ResponderEliminar
  7. Olá NIKI, neste Paìs é td «maluquinho»!
    Com pessoas a julgarem assim...nem dá vontade de falar nada.
    para eles.
    SEM COMENtÁRIOS!

    Para ti
    um bj e fica bem
    : )

    ResponderEliminar
  8. Querida Niki, fosse eu a mãe da miúda agredida eu dava-lhes a "festa", dava!!

    ResponderEliminar